VideoBar

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.

VideoBar

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.

terça-feira, 15 de março de 2016

Mesmo após nota da Fetems, Bernal diz que Capital paga melhor salário do Brasil

Durante evento de Lançamento de Projetos 2016 da Rede Municipal de Ensino (Reme) nesta segunda-feira (14), o prefeito de Campo Grande Alcides Bernal (PP) reforçou que o aumento salarial para os profissionais da educação vai ser feito, porém conforme as condições da prefeitura.
Prefeito Alcides Bernal
Bernal voltou a dizer que os professores de Campo Grande são os mais bem pagos do país e que os que trabalham por 20 horas recebem R$ 2.546,00 e para aqueles que trabalham 40 horas o salário chega a R$ 5.092,00, portanto não existe a necessidade de paralisação. O prefeito fez questão de frisar que muitas pessoas querem trabalhar como funcionários públicos municipais e prova disso é o número de inscrição para o concurso que vai acontecer no próximo dia 20 de março, que para 600 vagas são 19 mil inscritos.
“Para aqueles que forem aprovados para trabalharem por 20 horas vão receber R$ 2.546,00 e para 40 horas R$ 5.092,00, tenhamos isso bem claro, nós valorizamos o professor, é importante registrar que aqui em Campo Grande existia um caos na gestão anterior, mas nós conseguimos superar. A prefeitura está de portas abertas para dialogar com os professores e buscar o melhor”.
Sobre o aumento salarial previsto na Lei municipal 5.411/2014 o prefeito disse que não existe uma data, ele vai conversar com os professores e o aumento será de acordo com a situação da prefeitura, ou seja, uma nova proposta vai ser feita, e o reajuste será concedido para todos os servidores públicos municipal.
“O aumento será dado para todos os servidores inclusive aos professores, agora o aumento porcentual, nós vamos apresentar no fim de um estudo que está sendo feito através da nossa equipe de planejamento de finanças. Não temos condições financeiras de atender a esse sonho dos professores, mas é importante consignar que Campo Grande paga o mínimo e é o melhor salário do Brasil em termos de salários para professores, uma nova proposta será feita”.
Resposta da Federação Estadual dos Profissionais da Educação de Mato Grosso do Sul (Fetems)
A Fetems publicou nota desmentindo informações divulgadas pelo prefeito Alcides Bernal (PP) em informe publicitário divulgado em emissores de televisão em que Bernal afirma que os professores da rede municipal de ensino recebem melhor piso do Brasil, R$ 5.092 para 40 horas. 
Segundo a nota da Fetems, Bernal mente ao informar valor do piso. O presidente afirma que o piso salarial dos professores da Reme é R$  R$ 1.697,37 por 20 horas. Em nota, a federação cobra de Bernal respeito aos professores e exige que negociações salariais com o Sindicato Campo-Grandense dos Profissionais da Educação Básica (ACP) sejam retomadas e que a lei municipal 5.411/2014 que instituiu piso para 20 horas seja cumprida.
"Temos acompanhado um cenário na Rede Municipal de Campo Grande que muito nos preocupa, uma situação alarmante que vai desde demissões em massa, a falta de material didático e condições adequadas de trabalho e agora essa situação em que a Prefeitura Municipal mente descaradamente, através de informe publicitário, o valor do Piso Salarial dos professores."

Nenhum comentário:

Postar um comentário