VideoBar

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.

VideoBar

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.

segunda-feira, 25 de janeiro de 2016

Para leitores, atendimento em postos de saúde melhorou após fechamento do Cempe

Conforme enquete, 75% dos leitores aprovaram a atitude de Bernal e acreditam que a saúde pública melhorou

A maioria dos leitores do TopMìdiaNewsaprovam a atitude do prefeito de Campo Grande Alcides Bernal (PP), de fechar as portas do Cempe (Centro Municipal Pediátrico) denominado oficialmente como PAI (Pronto Atendimento Integrado), para fortalecer o atendimento nas UPAs (Unidades de Pronto Atendimento).

Cerca de 75% dos participantes da pesquisa acreditam que com a unidade fechada, a saúde da Capital apresentou melhoria. Já 15% dos internautas acreditam que a situação piorou de uma vez por todas. A opção "não fez a diferença, o atendimento continua o mesmo" foi votada por 6% dos leitores. E 4% acreditam que a decisão de Bernal gerou leve impacto, com o atendimento razoavelmente melhor.

O Pronto Atendimento foi fechado em novembro, já que o SUS (Sistema Único de Saúde) havia liberado uma verba de R$ 25 milhões para melhorar os atendimentos na saúde. O local custou R$ 3 milhões mensais a Prefeitura, sem repasses do SUS.


A população que procurava atendimento no local já vinha reclamando dos trabalhos oferecidos, que em novembro, funcionava com o atendimento de dois profissionais para atender dezenas de crianças na Capital. A medida atende também recomendação do Conselho Municipal de Saúde pela priorização dos bairros no atendimento médico/hospitalar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário